Janeiro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
25
26
28
29
30
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
Posts mais comentados
15
Jan
18

image.jpeg

Nome comum: FETO, SAMAMBAIA, FETO DE BOSTON (Família: Nephrolepidaceae)

Descrição:
O feto tem folhas frondosas e alongadas com 90 cm de comprimento e cerca de 15 cm de largura, que se apresentam a partir do solo em tufos chamados rizomas. As folhinhas individuais que se distribuem simetricamente de cada lado, ao longo de um veio central, podem chegar a ter 7,5 cm de comprimento e são levemente dentadas nos bordos. Na parte de baixo destas folhinhas existem duas filas paralelas de pintinhas junto aos bordos, onde se alojam os orgãos que contêm os esporos os quais mais tarde darão origem a novas plantas.

Existem muitas variedades de cultivares desta espécie. No Feto de Boston ou simplesmente feto como é conhecido em Portugal, as folhas caem graciosamente para os lados e é também o tipo que melhor suporta todas condições de cultivo incluindo dentro de casa, onde se for bem tratado, vive todo o ano durante muitos anos.

Algumas espécies são nativas do Brasil, onde o feto é muito utilizado em jardins e na decoração de pátios e mesmo de salas, e são conhecidos por Samambaia, tendo em geral um porte maior e mais frondoso.

Origem:
Originário da América do Sul, o feto é muito comum nos climas tropicais húmidos, podendo desenvolver-se livremente na natureza, em florestas húmidas e pantanosas, graças ao efeito do vento que favorece a dispersão dos minúsculos esporos. Nestes ambientes quentes e húmidos, os fetos facilmente se desenvolvem nos troncos de algumas palmeiras. Em Portugal, nomeadamente na mata do Buçaco, existem variedades maravilhosas desta planta desenvolvendo-se em plena natureza.

 

Cultura:

Luz: Requer sombra parcial, sem luz direta quando em exteriores e luz clara, filtrada, quando dentro de casa.

Humidade: O Feto de Boston gosta do solo húmido (mas não em excesso) e rico em matéria orgânica. Este é tolerante à seca, comportando-se melhor do que qualquer dos cultivares mais conhecidos desta espécie, e embora resista bem, apenas terá condições para se desenvolver de forma plena e viçosa, em condições de suficiente humidade do solo e do ar.

Quando cultivado em recipiente e não no solo, convém colocar pedrisco entre o vaso e o prato onde o mesmo assenta, por forma a manter sempre alguma humidade, evitando porém que o vaso entre em contato com a água para que as raízes não apodreçam. Sempre que a humidade do ar for inferior a 80% (o que em Portugal acontece com frequência), pulverize as folhas do feto mais do que uma vez ao dia e verá que a planta desenvolver-se-á com grande vigor e beleza.

Resistência: Zonas 9 a 11. O Feto de Boston desaparece quando sujeito a muito frio e geada, mas reaparece na primavera a partir das raízes anteriores. Contudo, não suporta falta de água e pode secar completamente se não chover ou se a rega for esquecida. Se notar que as folhas começam a cair é sinal de que a planta precisa de mais água, toque o solo com a ponta dos dedos e sempre que este estiver seco, regue. Caso os veios centrais das folhas fiquem nus e secos, corte-os entre duas unhas, para que o aspeto geral fique mais apresentável e também para dar mais corpo a toda a planta, que sem isso ficará com um aspecto um tanto ou quanto "desgrenhado"

Propagação: Propaga-se por divisão das raízes, ou ainda, embora mais dificilmente, por meio dos esporos, e neste caso, nas variedades cultivares o resultado não dará plantas iguais à planta mãe.

Aplicações:

Em exteriores os fetos podem ser utilizados como cobertura ou revestimento de canteiros, por baixo de árvores frondosas ou de arbustos que providenciem sombra, em geral em locais onde a pouca luminosidade não favorece as plantas mais baixas.

Em condições favoráveis, desenvolvem-se através de raízes que se espalham subterraneamente e despontam aqui e ali, sem exigir grandes cuidados. Dentro de casa, tanto a espécie como os inúmeros cultivares que existem podem ser plantados em recipientes adequados para ser pendurados ou colocados em cima de um pedestal, pois as folhas que caiem à volta do vaso proporcionam um efeito decorativo fresco e muito atrativo.

Por essa razão, dão-se também muito bem em casas de banho ou nas cozinhas desde haja humidade no ambiente. Em última análise, um borrifador à mão pode, como referimos antes, fazer milagres.

Características:
O Feto de Boston é sem dúvida uma planta muito resistente e própria para jardineiros principiantes que queiram desenvolver as suas aptidões sem que no entanto possuam grandes conhecimentos. Tem a vantagem de poderem ser plantados dentro ou fora de casa, já que a vida urbana não nos permite muitas vezes ter uma varanda, para já não falar de um jardim.

Proporcionam um efeito espetacular no parapeito de uma janela onde haja luminosidade, e isto tanto para o exterior como para o interior da sala onde estiverem colocados. Também se adaptam bem no topo de uma escadaria, ou num balcão, são plantas muito vistosas quando se desenvolvem bem. No meio de um arranjo com outras plantas (prímulas, calêndulas, cíclames ou jacintos) ficam muito atrativas. Ha sempre um feto ou uma samambaia para alegrar o ambiente, mesmo quando isso acontece à beira de um deserto mas sempre com um borrifador à mão para aspergir as folhas praticamente todos os dias...

publicado por receitasdaodete às 14:12

 

image.jpg

Ingredientes:

Base:

200g de biscoito de maisena
100g de manteiga derretida
2 claras
Creme:

2 latas (790g) de leite condensado
2 colheres de sopa de manteiga
½ xícara de leite ninho
Chocolate:

300g de chocolate meio amargo
200g de creme de leite aquecido

Forrar uma forma de aro untada com a base, Bolacha + manteiga+ 2 claras. Refrigerate.

Aquecer o chocolate com as natas e colocar o chocolate  as colheradas. Por cima o creme, que foi a engrossar, (Leite condensado, 2 col de manteiga, leite)

Vai a refrigerator 2 Horas.

publicado por receitasdaodete às 05:33

image.jpg

Ingredientes:

1 placa de massa folhada (retangular)
creme de pasteleiro q.b. *
5 rodelas de ananás
6 morangos
doce de alperce q.b.
água q.b. (para pincelar)
1 ovo (para pincelar)


Estende a placa de massa folhada e pica-a com um garfo…
Corta, em cada um dos quatro lados da massa folhada, uma tira fina para ser colocada nas margens da tarte e ser usada como um “alto” ou uma “barreira” para o creme, e depois corta novamente ao meio (em comprimento) cada uma dessas tiras. Pincela as margens da massa folhada com água (para “colar” a massa) e colocas as primeiras tiras (duas a duas – paralelamente). Pincela-as também com água para colocares as restantes tiras de massa sobre estas. Faz os acertos, retirando os excessos de massa que se extendam para além da forma retângular com a ajuda de uma faca.
Preenche o centro com o creme de pasteleiro (até às margens).
Decora com metades de morangos e de rodelas de ananás.
Bate o ovo e usa-o para pincelar as bordas.
Leva num tabuleiro ao forno (mantendo o papel que vem com a placa de massa folhada) pré-aquecido a 200ºC por 20 minutos (ou até ficar dourada).
Depois de pronta, retira do forno e pincela com doce de alperce (aquece-o ligeiramente no micro-ondas.

tags:
publicado por receitasdaodete às 05:01

image.jpeg

Ingredientes:

700 g de batata-doce
700 g de frango cozido (desfiado ou processado)
½ cebola grande finamente picada
1 ou 2 claras de ovo (depende da umidade dos ingredientes)
Salsinha picada
Sal e pimenta
Para empanar:
1 ovo
Um pouco de leite
Aveia em flocos ou farinha de rosca ou farinha de linhaça...
Modo de fazer:
Lave e descasque as batatas, corte em pedaços e leve para cozinhar. Assim que as batatas estiverem bem macias amasse bem até obter um purê.
Prepare o frango que já deve ter sido cozido, você pode desfiar muito bem ou usar o processador.
Misture o frango com a batata, adicione a cebola, a salsinha, um pouco de sal e pimenta moída na hora.
Na palma da mão tente moldar o bolinho, caso ele fique esfarelando comece a adicionar clara de ovo aos poucos, misturando bem e tente novamente. O bolinho deve ficar liso e sem rachaduras.
Bata ligeiramente o ovo, adicione uma pitada de sal e leite para que a mistura não fique tão espessa. Passe os bolinhos no ovo e em seguida na farinha escolhida para empanar.
A receita rende aproximadamente 50 bolinhos, você pode assar no forno ou se preferir pode fritar, mas não aconselho.
Eles podem ficar congelados por até três meses.

publicado por receitasdaodete às 01:29

image.jpgimage.jpeg

Ingredientes:

4 tomates verdes
1 xícara de farinha de trigo
2 ovos
¼ xícara de leite
½ xícara de farinha de rosca
½ xícara de farinha de milho
½ colher (sopa) de páprica picante
Pimenta preta
Sal
Óleo para fritar
Modo de fazer:
Corte os tomates em fatias de aproximadamente 1 cm de espessura.
Tempere com sal, forre uma travessa com papel toalha e deixe-os descansar por aproximadamente 15 minutos.
Enquanto isso prepare os ingredientes para empanar.
Em uma tigela coloque a farinha de trigo e tempere com um pouco de sal.
Em outro prato bata os dois ovos e o leite.
E por fim, em uma tigela misture a farinha de rosca, a farinha de milho com as pápricas e pimenta preta a gosto.
Empane os tomates verdes passando-os pela farinha de trigo e pressionando para que fiquem bem cobertos, em seguida passe pela mistura de ovo e depois na mistura de farinha de milho.
Aqueça uma frigideira com óleo garantindo que as fatias ficarão submersas pelo óleo.
Quando o óleo estiver bem quente comece a fritar, virando para que os dois lados fiquem bem corados.
Retire com uma escumadeira e acomode sobre papel toalha para eliminar o excesso de gordura.

publicado por receitasdaodete às 01:18

image.jpeg

Adoro bolos de bolachas e este é simples e rápido, tinha visto uma receita aqui só que levava natas e bolachas ,mas como achei a quantidade muito pouca resolvi juntar dois iogurtes.

E como os iogurtes eram açúcarados já não usei açúcar.

 

1 pacote de natas
2 iogurtes cremosos açúcarados
4 folhas de gelatina
15 bolachas torradas


Colocam-se as folhas de gelatina de molho em água fria.
Batem-se as natas bem firmes, juntam-se os iogurtes e bate-se mais um pouco.
Espremem-se as folhas de gelatina e junta-se pouco do creme anterior e vai ao lume em banho-maria para derreterem.
Juntam-se ao creme e envolve-se muito bem.
Forra-se um forma tipo bolo inglês com papel vegetal.
Deita-se um pouco de creme no fundo e sobre o creme colocam-se cinco bolachas ,fazem-se mais duas camadas sendo a ultima de creme.
Vai ao frio até solidificar.
No momento de servir desenforma-se e polvilha -se com bolachas ralada.

tags:
publicado por receitasdaodete às 01:10

image.jpeg

Ingredientes

500 gr de abóbora em cubos
250 gr de açúcar amarelo
1 laranja
50 gr de manteiga derretida
150 gr de amêndoa picada + 50 gr (eu uso com pele)
4 ovos
100 gr de farinha
2 c. de chá de fermento

 

Preparação
Numa panela coloca-se a abóbora, o açúcar, o sumo e a raspa da laranja. Deixa-se cozer por 20 minutos.

Liga-se o forno.

Tritura-se a abóbora com a varinha mágica e acrescenta-se a manteiga, as 150 gr de amêndoa picada e os ovos, previamente batidos com um garfo. Adiciona-se a farinha e o fermento e mexe-se muito bem.

Verte-se o preparado para o interior de uma forma de mola, devidamente untada com manteiga.

Vai ao forno cozer durante 35 a 40 minutos.

Enfeita-se com a restante amendoa 

tags:
publicado por receitasdaodete às 01:00

image.jpg

Ingredientes

150 g açúcar
3 c. sopa azeite
5 c. sopa mel
1 c. café sal
6 ovos L
400 g requeijão de ovelha
2 c. sopa vinho do Porto
1 c. sopa canela em pó
1 c. café erva-doce moída
5 c. sopa farinha de trigo
qb manteiga
100 g miolo de amêndoa palitada
1 c. sopa açúcar em pó

PREPARAÇÃO
1. Pré-aqueça o forno a 170° C.
2. Numa tijela junte o açúcar, o azeite, o mel e o sal e bata até estar tudo bem envolvido.
3. Adicione os ovos e bata energicamente até obter um creme meio esponjoso.
4. Esmague um pouco o requeijão e adicione-o à mistura, batendo.
5. Junte o vinho do Porto, a canela em pó e a erva-doce e bata de novo para envolver. Em seguida, adicione a farinha aos poucos e bata de novo para misturar tudo.
6. Disponha a massa numa forma redonda sem buraco bem untada com a manteiga e polvilhada com a farinha.
7. Salpique-a com a amêndoa palitada e leve ao forno durante 45 minutos.
8. Deixe arrefecer e salpique com o açúcar em pó.

tags:
publicado por receitasdaodete às 00:52

image.jpegimage.jpeg

Massa

2 laranjas
¾ de xícara (chá) de óleo
3 ovos
2 xícaras (chá) de açúcar
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 colher (sopa) de fermento em pó
Cobertura

1 xícara (chá) de açúcar de confeiteiro
¼ de xícara (chá) de suco de laranja
Tiras de casca de laranja para decorar
Modo de preparo

Massa

Corte as laranjas, com a casca, em 4 partes, retire as sementes e o cabinho branco do meio. Coloque as laranjas no liquidificador e acrescente o óleo, os ovos e o açúcar e bata. Em uma tigela, peneire a farinha de trigo e o fermento e acrescente o conteúdo do liquidificador. Unte e enfarinhe uma forma de furo central e coloque a massa. Asse em forno médio, preaquecido, por 40 minutos, aproximadamente.

Cobertura

Em um recipiente, coloque o açúcar de confeiteiro e, aos poucos, acrescente o suco de laranja. Misture até formar um glacê. Desenforme o bolo, cubra com o glacé.

publicado por receitasdaodete às 00:31

image.jpgimage.jpg

O melhor bolo de laranja

Bolo de laranjaIngredientes

½ xícara (chá) de manteiga em temperatura ambiente
1 xícara (chá) de açúcar
3 ovos
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 xícara (chá) de suco de laranja fresco
1 colher (chá) da raspa da casca de laranja.
1 colher (sopa) de fermento químico em pó
Modo de preparo

Bata na batedeira o açúcar e a manteiga até formar um creme. Adicione os ovos e bata por 2 minutos. Junte a farinha de trigo, alternando, com o suco de laranja. Desligue a batedeira, adicione o fermento em pó, as raspas da casca de laranja e mexa. coloque a massa em uma forma untada e enfarinhada e leve ao forno médio (180°C) preaquecido, por 30 minutos ou até que ao enfiar um palito no centro saia limpo.

 

 

 

publicado por receitasdaodete às 00:25
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
comentários recentes
Pode se substituir a base por massa quebrada?
Acho que o meu bolo não levanta bastante, tem algu...
Qro dizer, como assim?
Só 2 colheres de leite? Comi assim?
E que tal dar os créditos á pessoa que faz a recei...
E que tal dar os créditos á pessoa que faz a recei...
Já fiz ficou muito bom
Tão bom aspecto! Adoro bolo de laranja mnha mnham
Hummmmm... adoro tarde de maçã!!
Leite condensado?... hummmmm fiquei tentada a expe...
blogs SAPO